Segunda, 22 de abril de 2019
Sergipe

09/04/2019 às 19h35

Redacao

Estância / SE

Suspeitos de diversos crimes morrem em confronto com a polícia na cidade de Pedrinhas
A operação foi deflagrada em conjunto entre as polícias Civil e Militar
Suspeitos de diversos crimes morrem em confronto com a polícia na cidade de Pedrinhas
SSP/SE

Equipes das polícias Civil e Militar deflagraram uma operação conjunta para cumprir mandado de prisão contra Maike Alves Limas. Ele vinha ostentando fotos portando armas de fogo em redes sociais. A ação ocorreu na manhã desta terça-feira, 9, na cidade de Pedrinhas.


 


Na última sexta-feira, 5, agentes da Polícia Civil chegaram até o acusado na cidade de Itabaianinha. Mas, ele efetuou disparos e conseguiu fugir do cerco policial. Diante do ocorrido, Maique se escondeu em Pedrinhas, onde foi localizado durante operação realizada nesta terça-feira.


 


Na ação, o acusado, em conjunto com outro homem, dispararam contra os policiais. Houve confronto, ambos foram atingidos, socorridos, mas não resistiram ao ferimentos e morreram logo em seguida. Maique respondia a crimes como latrocínio, homicídio e tráfico de drogas. A Ação foi coordenada pelo delegado de Boquim, Marcelo Hercos.


 


Em uma das ações criminosas, Maique praticou o homicídio que vitimou Muriel da Conceição Vieira Galvão, parceiro de crimes do acusado, no ínicio deste ano, como explicou o delegado Marcelo Hercos.


 


“Maique cometeu homicídio contra Muriel, em 17 de janeiro deste ano. Segundo as investigações, Muriel e Maique teriam vindo para Boquim praticar assaltos e se supõe que houve uma desavença entre ambos. Então Maique assassinou Muriel”, detalhou.


 


O delegado Francisco Gerlândio forneceu detalhes da ação policial. “Diante da informação que Maike estaria em Pedrinhas, os policiais foram até lá. Na sexta, os policiais tentaram prendê-lo em Itabaianinha, mas ele disparou contra os policiais e fugiu. Na manhã de hoje, os policiais foram recebidos novamente a tiros e o acusado acabou vindo a óbito”, citou.


 


Marcelo Hercos, delegado de Boquim, complementou ainda citando que, com Maique e Normândio Lima Silva, além das armas, também foram encontrados entorpecentes. “Cada um dos acusados estava com um revólver calibre 32, também uma pequena quantidade de maconha e uma pequena quantidade de dinheiro dentro da casa”.


 


Histórico


 


Em 2013, ao ser abordado por policiais, o acusado, em conjunto com outro homem, reagiu a ação com disparos de arma de fogo. Maike foi detido e com ele foram apreendidos dois armamentos. Na época, ele já respondia por ações criminosas como homicídios e tráfico de drogas.


 

FONTE: SSP/SE

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium